Insensatos

São insensatos por natureza todos os que desconheceram a Deus, e, através dos bens visíveis, não souberam conhecer Aquele que é, nem reconhecer o Artista, considerando suas obras.
Tomaram o fogo, ou o vento, ou o ar agitável, ou a esfera estrelada, ou a água impetuosa, ou os astros dos céus, por deuses, regentes do mundo.
Se tomaram essas coisas por deuses, encantados pela sua beleza, saibam, então, quanto seu Senhor prevalece sobre elas, porque é o criador da beleza que fez estas coisas.
Se o que os impressionou é a sua força e o seu poder, que eles compreendam, por meio delas, que seu criador é mais forte; pois é a partir da grandeza e da beleza das criaturas que, por analogia, se conhece o seu autor.
Contudo, estes só incorrem numa ligeira censura, porque, talvez, eles caíram no erro procurando Deus e querendo encontrá-lo: vivendo entre suas obras, eles as observam com cuidado, e porque eles as consideram belas, deixam-se seduzir pelo seu aspecto.
Ainda uma vez, entretanto, eles não são desculpáveis, porque, se eles possuíram luz suficiente para poder perscrutar a ordem do mundo, como não encontraram eles mais facilmente aquele que é seu Senhor?
Mas são desgraçados e esperam em mortos, aqueles que chamaram de deuses a obras de mãos humanas: o ouro, a prata, artisticamente trabalhados, figuras de animais, alguma pedra inútil, a que, outrora, certa mão deu forma. – Sabedoria 13:1-10

É curioso e ao mesmo tempo triste saber que os católicos têm em sua Bíblia esse texto acima e ainda assim adorarem, venerarem, louvarem imagens de escultura como referências a pessoas que já morreram como Maria, mãe de Jesus ou os santos mártires.

Falo em sua Bíblia porque a Bíblia dos católicos, diferentemente da Bíblia de origem protestante/evangélica, ou mesmo do antigo testamento judeu, possui livros “extras”, por assim dizer, denominados apócrifos ou deuterocanônicos, como esse da Sabedoria, por exemplo.

O mal, tanto deles (católicos) como nosso (evangélicos), se é que posso dizer que sou evangélico já que não concordo com a maior parte das aberrações que tenho visto e ouvido no meio religioso chamado “gospel” hoje em dia, é que não lemos as Escrituras, aquilo que consideramos sagrado, verdadeira Palavra de Deus.

Somos frutos de um país ignorante e preguiçoso, onde estamos mais acostumados a ver vídeos e navegar a internet do que ler um bom livro, dirá mesmo um livro de cunho religioso que poderia, além do principal que é levar-nos a um relacionamento com Deus por meio de seu filho Jesus, fazer-nos discernir o certo do errado nas diversas religiões que se dizem cristãs, principalmente na nossa mesmo.

Anúncios

Um pensamento sobre “Insensatos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s