Oportunidades desperdiçadas

Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo. – Apocalipse 3:20

Não sei quanto a vocês, mas eu já perdi inúmeras oportunidades em minha vida, muitas das quais ainda hoje me arrependo, tenha sido em razão de medo, timidez, orgulho pessoal, “timing” errado, ou alguma outra causa diretamente sob meu controle.

Sim, porque não adianta chorar o leite derramado por coisas que fugiram ao nosso controle, assim, se eu perdi supostas oportunidades em razão de terceiros, paciência, mas se perdi por burrice ou preguiça, por exemplo, não devo culpar a ninguém senão a mim mesmo.

Lembro que quando estava ainda no começo da faculdade de Informática, lá pelos idos de 1998, ou cerca de um ano, um ano e meio antes de estrearem sítios de comparação de preços entre as, à época, incipientes lojas de informática da ainda nova Internet brasileira, como por exemplo o Buscapé e o Bondfaro, eu e um colega meu fizemos um protótipo parcialmente operacional de um mecanismo de busca e comparação de preços em diversas lojas virtuais que existiam para um trabalho de uma disciplina da faculdade, o qual foi bastante elogiado pelo professor pela inovação e qualidade.

No entanto o trabalho permaneceu assim, apenas um protótipo e nunca foi ao ar.

Pouco tempo depois estrearam esses dois sítios, e eu cheguei a comentar com meu colega sobre o nosso trabalho e como eles eram parecidos com a idéia que nós tivemos, mas também não fizemos nada a respeito e ficou por isso mesmo.

Alguns anos depois, um dos sítios foi vendido por alguns milhões de reais, e minha oportunidade de ficar rico permaneceu como uma mera lembrança.

Todos perdemos oportunidades em nossas vidas, isso infelizmente é um fato do qual não temos de que nos orgulhar, e por mais que nos esforcemos contra, vez ou outra seremos vítimas do “destino”, de nós mesmos sejamos bem francos.

Lembro de pelo menos duas vezes ter ficado a fim de alguma garota na época da faculdade, e ela de mim, concometantemente, e no entanto nunca rolou nada entre nós, só depois de muito tempo, quando ambos já não sentíamos nada um pelo outro, é que ficamos sabendo, sem ter nada mais a fazer senão lamentar.

Isso pra não dizer de casos em que eu fiquei a fim de alguém e a pessoa nada, e tempos depois me vi em situação inversa, a pessoa a fim de mim e eu nada.

Eu costumo dizer que todos somos presenteados com oportunidades, uns mais do que outros, umas melhores, outras piores, e as vezes aparece para nós a oportunidade de uma vida, seja em que sentido for, e é melhor estarmos preparados, de olhos e ouvidos bem abertos para  identificá-la como tal, agarrar essa oportunidade com unhas e dentes, não deixá-la escapar, para não nos lamentarmos posteriormente e para o resto da vida.

Com relação a oportunidades uma das coisas que ao mesmo tempo me causa surpresa, espanto e tristeza é como as pessoas desperdiçam as oportunidades de um relacionamento com Deus.

É, porque seja dentro ou fora de um ambiente religioso, as vezes fazemos pouco caso do sacrifício de Jesus na cruz ao dizermos “agora não, talvez mais tarde”, não queremos um compromisso, nada sério, pensamos que Deus é alguém que vai cortar o nosso barato e não queremos “perder a nossa juventude”, como se desfrutar de um relacionamento com o Pai fosse perder alguma coisa e não ganhar, na verdade.

Tomamos essa oportunidade como eterna, como se a porta sempre fosse ficar aberta para nos relacionarmos com Deus, nos esquecendo que se Cristo hoje bate à nossa porta esperando que nós abramos, sua imensa paciência um dia pode se esgotar, como na parábola das virgens loucas (Mateus 25:1-13) em que aquelas que não responderam por não estarem preparadas, por não reconhecerem a relevância, a importância daquela oportunidade, acabaram ficando de fora do casamento, sozinhas, amargando a escuridão.

Buscai ao SENHOR enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. – Isaías 55:6

Deus hoje nos oferece a oportunidade de nossas vidas, oportunidade de voltar de onde quer que estejamos para os seus braços de amor, para recebermos o seu perdão, o seu conforto, a sua amizade.

Será que temos desperdiçado também essa oportunidade?

Não sejamos loucos nem desprevenidos, ou como diz as Escrituras no livro de Hebreus, se hoje ouvirmos a voz de Deus não devemos endurecer os nossos corações como na época do Faraó do Egito e do povo que caminhou pelo deserto, antes, abramos com diligência a porta e convidemos a Jesus para entrar e cear conosco, ocupando o lugar principal da mesa, de modo que possamos ouvi-Lo falar de maneira pessoal e íntima ao nosso coração.

A minha oração hoje, com base em tudo acima, é que a gente possa aproveitar as boas oportunidades que a vida, Deus, nos dá a cada dia, das quais a principal é um relacionamento de intimidade consigo por meio de seu Filho Jesus.

Deus nos abençoe.

Anúncios

Um pensamento sobre “Oportunidades desperdiçadas

  1. Rapaz, gostei de seus textos. Parabéns!
    Posso dizer que é realmente péssimo ver um projeto que idealizamos e não tivemos coragem ou força de toca-lo adiante e depois um desconhecido com a mesma ideia ou algo parecido acaba fazendo sucesso.
    Não chega ser inveja, mas o estranho sentimento de “esse poderia ser eu”.
    Já perdi muitas coisas por timides, por medo também e muitas vezes por falta de incentivo familiar.
    Mas o que importa é temos o proximo dia, e enquanto temos esse direito temos que ir a luta e nunca esperar que o tempo vai mostrar o caminho. Ele pode até mostrar, mas a trilha se vamos percorrer ou não é nossa. Parabéns novamente.

    Perfeito fim de semana… Aproveite e faça uma visita e deixe seu comentário em minha humilde residência… rs
    Segue o link: http://andrehotter.wordpress.com
    😉 abs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s